English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

sábado, 16 de novembro de 2013

 HOMEM DOS MEUS PENSAMENTOS


Abandonada em caricias
saciada de tuas ondas magnéticas
meu gozo se desnuda no prazer do verbo
Amar as horas que te descubro ausente do meu corpo 
na sempre viagem rumo a nossas almas
como num oculto e silencioso desejo possuidor
que fere a calma de uma fera no cio


Largada em minha cama na calada da madrugada
sinto-me vencida aos sonhos em êxtases
cirandando meu sexo no teu 
lambendo  nossas entranhas
 queimando a pele
*a cada* estrela que cai deste  céu*



 Agora descansarei minha vontade saciada,
saciada a vontade de viajar a teu encontro
para seguir na profundidade das cavernas quentes
 e possuir-me na fertilidade de teu sangue
 

15 comentários:

  1. Lindo e sensual poema,Rachel. Sou a primeira a comentar porque seu blog está na minha lista de favoritos.Recebo suas atualizações.

    Tem selinho de 150 seguidores no meu blog.

    Traz para cá?

    Beijinhos


    Dryka



    Blog Suas Histórias Nossas Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dryka tu sempre faz a diferença..teu selinho já está junto aos outros aqui..

      Beijo amiga

      Excluir
  2. Hermosa imagen para un poema tan sensual y romántico te mando un abrazo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hermosa eres tú mi amiga que tiene siempre un motivo para llegar y desfrutar del verbo de las palabras..

      Besitos y saludad de Quito este país bello de iglesias cor del oro.

      Excluir
  3. Bom dia

    Sedutor, apetite, e apaixonado=SOBERBO!

    Beijos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque o sangue ferve na mente e chega as veias de uma mulher abandonada em sua própria cama...A natureza não pode ser ferida e sim saciada.

      Um beijo amiga e ótimo domingo

      Excluir
  4. Boa tarde minha esplendorosa amiga.. poxaaaa assim tu me quebra rsrs delicioso de ler e na leitura poder mergulhar nas imagens que a mente cria sabiamente.. degustei cada letrinha desta poesia querendo ir além no comentário mas me contendo.. assim o corpo não aguenta não rsrs és um encanto como pessoa, como amiga e como poetisa.. um grande beijo até vou favoritar este para ler volta e meia.. delicia só o obra e a criadora dela fique sempre bem amiga até sempre

    ResponderExcluir
  5. Meu belo amigo...mergulhou nas águas profundas dos pensamentos não foi...rsrrs..ok..te aquieta pois a tua musa de inspiração já chegará e teus sonetos grande artista da poesia e da vida já serão vivos em carne e osso.

    Um beijo querido.

    ResponderExcluir
  6. O amor de Deus é considerado o mair de todas as conquistas.
    por isso este é o amor de maior força em nosso coração.
    E através desse amor , que depositamos nossa fé e esperança
    em tudo ,que planejamos para nossas vidas.
    Como já é tradição minha a nove anos falar de fé , esperança e
    amor hoje não poderia ser diferente voltar sempre , que preciso me ausentar
    falando de amor , fé e esperança.
    Eu espero , que um dia o amor de Deus seja o maior dentro de todos os corações.
    Obrigada pelo seu carinho comigo, obrigada por saber , que existe um cantinho
    para mim no seu lindo coração.
    Que seu Domingo seja tremendamente lindo beijos,Evanir.

    ResponderExcluir
  7. Acho inacreditável como você posiciona-se em cada Poesia. Direi assim (acho já ter dito antes): Se! Isto for Erotismo; Se! Assim considerem: consequentemente estarão desconhecendo o conceito de sensualidade, pois Eros, Afrodite, Vênus, Ninfas e Ninfetas; e todos os Cupidos (se possamos pluralizá-los): te doaram por benevolência o dom: que para eles; físico, mítico; e que para ti... Palavras e Espírito... Escritos, e Enlevo... E tua capacidade indiscutível.
    Em, O Homem dos Meus Pensamentos: você consegue transpor a barreira da criatividade, e da imaginação: como se a "ilusão" fosse palpável; quando é muito difícil transmitir o lado pessoal, e bem mais ainda: quando você consegue "deslisar" como uma Garça no seu voo altivo, e se embrenhar no campo interpessoal Psi da personalidade.
    É como ficar nua, e despir-se ao natural prazer da imaginação; é como se supor... Calar o som, e a voz, de Orfeu.
    Para os mais jovens; desculpo-os, e estão liberados, e façam como disse a fazer... Samuel Balbinat (gostei! Cara).
    Para os mais velhos; perdoem-me... Procurem imediatamente um Cardiologista.
    Para mim, pô! Omena!
    Mete o "Véi'! Mate!

    Um grande abraço, e meus parabéns!
    Dr. Ademar Raimundo de Barros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Matar você nunca,quero ter a certeza que viajarei pelas estrelas a teu doce encontro para acariciar teu rosto que quero tão bem meu amado.

      Beijo querido e nem tenho palavras para expressar tamanha dedicação e coerência a estas palavras.

      Um beijo sempre no coração de quem te admira como homem e muito mais.

      Mena

      Excluir
  8. Acho inacreditável como você posiciona-se em cada Poesia., e mais uma vez: discordo de quem possa confundir; sensualidade, e Erotismo. Estou a responder em comentário pela segunda vez, e este jamais será igual ao anterior, mas mesmo assim vou tentar.
    Você consegue "deslisar" como se fosse uma Garça em seu voo altivo. Há graça, há sensatez, há sensualidade, há leveza,e suavidade: que nos conduz sonhar.
    Deus, que deu a Vênus, as Ninfas, e Ninfetas; que deu a Cupido o poder da sedução; que deu a Orfeu, o Som,a Voz, a Lira: na imaginação mítica, ou miragem: te deu o dom que deles era: Mítico e Físico; e a ti...... Espírito e palavras... Escritas em versos repletos de sentimentos e de coragem; poucos conseguem ser assim.
    Em, Homem dos Meus Pensamentos: você consegue transpor a barreira da criatividade, e da imaginação: como se a "ilusão" fosse palpável.
    É muito difícil transmitir o lado pessoal, e bem mais ainda: quando você decide mergulhar no campo Mar de Tempestades Psi: o campo Interpessoal da Personalidade.
    É como ficasse nua, e despir-se ao natural prazer da sua imaginação: é como se entregasse ao mundo sem nem pensar nos 'falos' que nos apontam, em censuras locupletadas de hipocrisia... Eu sou a "Santa"... Vós sois a "Outra": de Celestina a Ester; que diferenças! De Semiramia a Salomé... Os "Falos"! Varões! Às tontas.
    Para os mais jovens; desculpas, estão liberados seguindo os preceitos de Samuel Balbirat ... Gostei! Ô Cara!
    Para os mais velhos; perdoem-me.... Procurem imediatamente um bom Cardiologista.
    Para mim! Pô! Omena
    Mate o "Véi"! Mate!

    Um grande abraço, e parabéns!
    Dr. Ademar Raimundo de Barros.

    ResponderExcluir
  9. Sempre tua além da morte e alem da próxima vida se assim for permitido...ainda iremos sorrir muito de tudo e de todos...amar as estrelas a lua o sol da vida que nos ama meu querdo e adorado amigo.

    Mena

    ResponderExcluir
  10. Mena! Desculpas pelos dois comentários em repetição: e que pensei que o primeiro, houvesse ido para o espaço no ato de publicação. Lamentavelmente (réu confesso) sou um "Disléxico" nestas Geringonças de Tecnologias; daí dispensar meios modernos de divulgação, ou redes de Relacionamentos (até por motivos econômicos "in Moment"), mas deixa isto pra lá! Um dia passa... Mas fiquei fulo! Quando vi a publicação que presumida fosse para o "Ar" por um simples detalhe de "Senha": e como tudo que escrevo segue uma linha de "repentes", acreditei ter sido perdida a comunicação, mas hoje tenho a confirmação de que foi recebida, daí constar as duas: seguindo a mesma linha de pensamento: desculpas pela repetição.
    No tocante a sua "última" Postagem: estou sob o domínio da fascinação, e só comento depois... É preciso um Ansiolítico para se acalmar, pois você chegou em voo rasante.
    Um abraço para você
    Dr. Ademar Raimundo de Barros.

    ResponderExcluir
  11. Meu amado desculpas que nada...adorei tudo o que escreveu e o que repetiu...rrsrs

    Nós dois temos "um elo" pra lá da natureza e quero zelar..Estou um pouco afastada da internet ,mas sempre que posso eu chego de mansinho e escrevo ou melhor ,as vezes eu coloco poesias já escritas de um tempo que passou..

    Te adoro., e te quero bem pertinho

    ResponderExcluir

...

.

.